Liberação da 'Conta-Covid' vai minimizar inadimplência nas operações da Eletrobras

Camila Maia
Por Camila Maia
29/Mai/2020 21:11 BRT
A liberação da "Conta-Covid", empréstimo negociado pelo governo com um sindicato de bancos para injetar liquidez nas distribuidoras, deve ajudar a minimizar os riscos de inadimplência nas operações de geração e transmissão da Eletrobras, disse Wilson Ferreira Junior, presidente da estatal, durante teleconferência sobre os resultados do primeiro trimestre do ano. Segundo o executivo, no primeiro trimestre, a Eletrobras chegou a receber notificações de distribuidoras referentes ao pagamento dos contratos de compra de energia, mas não sofreu inadimplência até o momento.  No segmento de transmissão, a inadimplência das tarifas subiu levemente de 0,5% para 0,89% em março. "Mas reafirmamos nossa...

QUER ACESSAR UM MEGA CONTEÚDO SOBRE O MERCADO DE ENERGIA?

Navegue por milhares de dados, crie gráficos, leia análises, previsões, notícias, faça contatos e ganhe cada vez mais conhecimento

O cadastro é simples e basta preencher os campos abaixo. No futuro, o acesso será exclusivo para assinantes e você será avisado sobre essa mudança com antecedência.