Demanda global por baterias supera volume de vendas de carros elétricos

Poliana Souto

Autor

Poliana Souto

Publicado

14/Jul/2023 13:42 BRT

A demanda por baterias em veículos ultrapassou a taxa de crescimento das vendas de carros elétricos, que alcançou 10 milhões de unidades em 2022, devido ao aumento do tamanho médio das baterias nos veículos elétricos nos principais mercados. A informação é da Agência Internacional de Energia (IEA, na sigla em inglês). 

“A tendência de favorecer veículos maiores que é vista nos mercados de carros convencionais está sendo replicada no mercado de veículos elétricos, uma pressão adicional nas cadeias críticas de suprimentos de minerais”, afirma o relatório.

Essa tendência, em conjunto com a aplicação das baterias em sistemas de armazenamento e em tecnologias usadas por fontes renováveis, elevaram os preços de minerais críticos usados nas baterias de carros elétricos nos últimos dois anos, além de aumentar os custos de empresas do setor. 

Os custos com exploração desses minerais também aumentaram no ano passado, chegando a 20% dado crescimento recorde na exploração de lítio. O Canadá e a Austrália são os países que lideraram as explorações nos últimos dois anos, com mais de 40% em cada ano.  

A IEA observa ainda que as atividades de exploração estão se expandindo na África e no Brasil. Em relação à demanda global por baterias, o documento destaca que o uso em fontes renováveis aumentou dois terços em 2022, com o armazenamento de energia se tornando uma parte crescente da demanda total.  

“Acordos de aquisição de longo prazo tornaram-se a norma nas estratégias de compras do setor, mas as empresas estão tomando medidas extras para investir diretamente na cadeia de valor de minerais críticos, como mineração, refino e materiais precursores”, conclui a agência internacional.