Diesel

Relatório do Combustível do Futuro estabelece mandatos para biometano, diesel verde e SAF

Biocombustíveis

Relatório do Combustível do Futuro estabelece mandatos para biometano, diesel verde e SAF

O Combustível do Futuro (Projeto de Lei nº 4.516 de 2023) teve seu relatório apresentado nesta segunda-feira, 26 de fevereiro, pelo deputado Arnaldo Jardim. O texto foi enviado ao Congresso pelo Executivo em setembro de 2023. Agora, o projeto de lei (PL) deve ser votado na Câmara dos Deputados, onde tramita em regime de urgência, e no Senado, para então seguir a sanção presidencial. Confira abaixo as principais determinações do relatório:

Mercado reage à autorização da ANP para uso de biodiesel importado na mistura obrigatória

Biocombustíveis

Mercado reage à autorização da ANP para uso de biodiesel importado na mistura obrigatória

Agentes do mercado reagiram à aprovação, pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), de resolução que regulamenta a importação de biodiesel. Em reunião realizada na última quinta-feira, 23 de novembro, a diretoria da ANP resolveu que o combustível importado poderá ser usado para até 20% da mistura obrigatória de 12% de biodiesel no diesel.

Rio de Janeiro – Edifício sede da Petrobras na Avenida Chile, centro da cidade.

Combustíveis

Venda de gasolina pela Petrobras registra maior nível para 1º trimestre em seis anos

A produção de gasolina da Petrobras chegou aos 372 Mil barris por dia (Mbpd) no primeiro trimestre de 2023, recuo de 7,3% em relação ao último trimestre do ano passado. Já as vendas domésticas foram de 414 Mbpd, queda de 7,4% na mesma comparação. Mesmo com as reduções, a estatal informou que este é o maior volume comercializado para um primeiro trimestre nos últimos seis anos.

Emissão de gases de efeito estufa teve alta de 75% no Brasil em 2021, aponta estudo

Carvão

Emissão de gases de efeito estufa teve alta de 75% no Brasil em 2021, aponta estudo

Novo estudo do Instituto Energia e Meio Ambiente (Iema) mostra que a indústria termelétrica fóssil do Brasil durante o ano de 2021, apresentou um aumento de 75% nas emissões de gases de efeito estufa (GEE) em relação a 2020, bem como um crescimento de 5% na participação da matriz elétrica do país no mesmo período. Para o estudo, foram analisadas 82 usinas, que emitiram juntas 55,6 milhões de toneladas de dióxido de carbono equivalente (CO2e).