FPSO Atlanta, da Enauta, inicia ancoragem na Bacia de Santos

Maria Clara Machado

Autor

Maria Clara Machado

Publicado

17/Mai/2024 11:09 BRT

Categoria

Empresas

A Enauta informou que o FPSO Atlanta já está em ancoragem no Campo de Atlanta, na Bacia de Santos. Em seguida, serão iniciadas as atividades de lançamento e instalação das linhas e equipamentos submarinos. O primeiro óleo do ativo está previsto para agosto de 2024. A unidade é afretada e operada pela Yinson, após exercício de opção de compra.

O FPSO tem capacidade para processar 50 mil barris de óleo por dia e 140 mil barris de água por dia, e pode estocar 1,6 milhão de barris de petróleo. Na avaliação da Enauta, tais atributos proporcionam à empresa vantagens logísticas, que devem embasar uma nova estratégia de comercialização do óleo do campo, além de mais consistência operacional de produção e um fluxo superior no campo.

A Enauta é operadora do Campo de Atlanta com 100% de participação. Em março deste ano, a Companhia celebrou uma parceria com a Westlawn Americas Offshore para venda de 20% de participação no ativo. A conclusão da transação ainda depende da aprovação dos órgãos competentes.

Leia também:

Enauta vai aplicar emissão de R$ 1,1 bilhão para capex de Atlanta