Cade aprova supensão da venda da TBG e de refinarias da Petrobras

MegaWhat

Autor

MegaWhat

Publicado

22/Mai/2024 22:43 BRT

Categoria

Óleo e Gás

A Petrobras informou nesta quarta-feira, 22 de maio, que o Tribunal do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou a renegociação dos Termos de Compromisso de Cessação (TCCs) de refino e gás, encerrando a obrigação de venda de novos ativos pela estatal.

Os TCCs foram assinados em 2019 e posteriormente revistos pela estatal em função de seu novo planejamento estratégico, após a mudança de governo no início de 2023. A Petrobras também relatou dificuldades externas para o cumprimento integral dos acordos. Na última semana, a companhia apresentou propostas para flexibilizar os TCCs, que receberam recomendação de aprovação pela área técnica do Conselho. Agora, o tribunal do Cade decidiu favoravelmente pelas alterações nos acordos, e o conselho de administração da companhia também deu seu aval aos aditivos negociados com a entidade.

Sairão da carteira de desinvestimentos da estatal a Transportadora Brasileira Gasoduto Bolívia-Brasil S.A. (TBG) e as refinarias Presidente Vargas (Repar), Gabriel Passos (Regap) e Alberto Pasqualini (Refap), Abreu e Lima (RNEST) e Lubrificantes e Derivados do Nordeste (Lubnor).

Ao renegociar com o Cade, a Petrobras alegou que não foram alcançados os preços mínimos de venda para os ativos, enquanto a questão fundiária impediu a concretização da venda da Lubnor. A estatal se comprometeu com mudanças comportamentais, como indicação de conselheiros selecionados por head hunter para a TBG e celebração de contratos Frame para refinarias. Saiba mais sobre as propostas da Petrobras para os TCCs de gás e refino.

Desde 2019, parte dos TCCs foi cumprida, com a venda das refinarias Six, Refinaria Landulpho Alves (Rlam) e Refinaria Isaac Sabbá (Reman), além do desinvestimento integral nas transportadoras Nova Transportadora do Sudeste (NTS), Transportadora Associada de Gás (TAG), e Petrobras Gás S.A. (Gaspetro).


Leia também:

Cade recebe pedido da Petrobras para revisar venda de ativos de refino e gás

Petrobras vai rever venda de refinarias junto ao Cade, afirma Jean Paul

Primeira fase da Rnest será entregue em 2024, com comercialização de novos produtos

Petrobras vai rever acordo para venda da TBG com o Cade, diz Jean Paul Prates

Petrobras assina acordo e outros agentes poderão acessar sistema de transporte da NTS